gallery/logo - circulo

Contato/ Contact us:

+55 11 5096-4655 / 24 2249-5630

contato@crascomex.com.br

SERVIÇOS/ SERVICES

JÁ OUVIU FALAR EM FSC®, SELO VERDE OU PRODUTO CERTIFICADO?

HAVE YOU EVER HEARD OF THE FSC®, THE GREEN SEAL OR CERTIFIED PRODUCT?

O QUE ISSO SIGNIFICA?

FSC® é a sigla de Forest Stewardship Council® - "Conselho de Manejo Florestal". 
 
O FSC® é uma organização independente, sem fins lucrativos, fundada em 1993, a partir da necessidade de garantir a conservação ambiental e o desenvolvimento sustentável das florestas em todo o mundo.
 
A missão do FSC® é promover uma gestão florestal responsável e o uso racional da floresta, através de um conjunto de normas denominadas Princípios e Critérios, que pretendem garantir a longo prazo a existência da floresta.
 
O selo de certificação florestal é liberado por certificadoras monitoradas constantemente pelo FSC® e tem o objetivo de garantir que a madeira provém de um processo produtivo manejado segundo uma gestão ecologicamente adequada, socialmente justa, viável economicamente e que cumpre as leis vigentes.
 
- Ecologicamente Adequada:
Utilizar técnicas que imitam o ciclo natural da floresta e causam o mínimo impacto, permitindo sua renovação e sua permanência, bem como da biodiversidade que abriga. 
 
- Socialmente Justa:
A propriedade de uma área florestal e toda a atividade precisa ser legalizada, o que significa pagar todos os tributos e respeitar todos os direitos trabalhistas, inclusive no item segurança do trabalho. Além disso, o processo de certificação FSC® é transparente, o que permite sua fiscalização por qualquer entidade ou indivíduo da sociedade civil. Finalmente, os princípios e critérios do FSC® são decididos com a participação igualitária dos três setores: ambiental, social e econômico.
 
- Economicamente Viável
As técnicas de manejo florestal requeridas pelo FSC® aumentam a produtividade da floresta, garantem a durabilidade dos investimentos, e AGREGAM valor ao produto. O selo FSC® no produto já é uma demanda do mercado para o qual ainda não há suficiente oferta, e isso significa que um produto com o selo FSC® garante a permanência no mercado e abre novos mercados.
 
O FSC® é hoje o selo verde mais reconhecido em todo o mundo, com presença em mais de 75 países e todos os continentes. Atualmente, os negócios com produtos certificados geram negócios da ordem de 5 bilhões de dólares por ano em todo o globo. 
 
Os 10 princípios do FSC® garantem vantagens e benefícios que atingem todos os níveis da cadeia produtiva, desde a floresta até o consumidor final.
 
Para os produtores florestais
• Preços melhores, pois a procura por madeira certificada é grande e aumenta a acessibilidade ao mercado internacional, especialmente europeu. Hoje, países como Holanda preferem importar madeiras certificadas FSC que de outras fontes.
• Aumento de produtividade. Trabalhadores treinados em técnicas de manejo florestal reduzem o desperdício na floresta, já que não esquecem árvores cortadas em campo, não permitem que as árvores rachem no momento do corte e reduzem o desgaste de máquinas e equipamentos.
• Melhoria de imagem. Para empresas que trabalham com o setor madeireiro, o certificado FSC® traduz a responsabilidade socioambiental com o manejo da floresta.
 
Para os beneficiadores e revendedores
• Garantia de origem. Ao comprar de produtores certificados, a empresa sabe que a madeira que está consumindo provém de uma floresta bem manejada e, portanto, não está contribuindo para a exploração predatória dos recursos florestais.
• Reconhecimento do mercado. Um número crescente de consumidores conscientes estão dando preferência aos produtos que tem o selo, seja piso, papel, lápis, porta ou até casa pré-fabricada. Para as empresas exportadoras, o selo pode aumentar a acessibilidade ao mercado externo.
• Responsabilidade Social. Empresas que possuem a certificação e aquelas que compram produtos com o selo estão traduzindo em ações o seu comprometimento com a responsabilidade social.
 
Para os consumidores
• Garantia de origem. Ao comprar produtos certificados, o consumidor consciente sabe que aquela matéria-prima florestal foi explorada através de técnicas de manejo, e em que foram aplicadas localmente as leis ambientais e trabalhistas.
• Contribuição para a causa. Ao escolher um produto certificado, o consumidor está premiando as empresas responsáveis que respeitam toda a legislação, o direito dos trabalhadores e da comunidade, além de obedecer todos os padrões estabelecidos para um bom manejo da floresta.
 
Tipos de certificação
 
Atualmente existem três modalidades de certificação: Manejo Florestal, Cadeia de Custódia, Madeira Controlada.
 
Certificação de Manejo Florestal (FM)
A certificação de Manejo Florestal garante que a floresta é manejada de forma responsável, de acordo com os princípios e critérios da certificação FSC®. Todos os produtores podem obter o certificado, sejam pequenas, grandes operações ou associações comunitárias. Essas florestas podem ser naturais ou plantadas, públicas ou privadas. A certificação de manejo florestal pode ser caracterizada por tipo de produto: madeireiros, como toras ou pranchas; ou não madeireiros, como óleos, sementes e castanhas.

Certificação de Cadeia de Custódia (CoC)
A certificação de cadeia de custódia (CoC) garante a rastreabilidade desde a produção da matéria-prima que sai das florestas até chegar ao consumidor final. Aplica-se aos produtores que processam a matéria prima de florestas certificadas. As serrarias, os fabricantes, os designers e as gráficas que desejam utilizar o selo FSC® em seus produtos, precisam obter o certificado, para garantir a rastreabilidade de toda a cadeia produtiva.

Madeira Controlada
As normas de madeira controlada do FSC® têm como objetivo orientar as empresas certificadas a evitarem produtos com origem florestal de categorias consideradas inaceitáveis pelo FSC®.
A partir desta avaliação, as empresas controlam a origem dos materiais usados para a composição dos produtos “FSC® Misto”, excluindo as procedentes de atividades florestais social e ambientalmente danosas.
 
As empresas certificadas em cadeia de custódia FSC que combinam materiais controlados e certificados FSC® em seus produtos, devem demonstrar que o material controlado evitou fontes das seguintes categorias:
• Madeira extraída ilegalmente;
• Madeira extraída em Infração aos Direitos civis e Tradicionais;
• Madeira extraída de florestas em que os Altos Valores de Conservação estão ameaçados pelas atividades de manejo;
• Madeira extraída de Áreas Convertidas de Florestas para plantações e outros usos não-florestais;
• Madeira de florestas com Árvores Geneticamente Modificadas.
 
A CRAS WOOD acredita que num futuro bem próximo toda a população mundial se conscientize da importância do seu papel na sociedade e, juntos construiremos um pais mais sustentável, buscando cada vez mais produtos de qualidades e do bem, proporcionando bem-estar a todos e, principalmente, ao nosso meio ambiente.
WHAT DOES IT MEAN?

FSC® stands for Forest Stewardship Council®.
 
The FSC® is an independent, non-profit organization founded in 1993, from the need to ensure environmental conservation and the sustainable development of the forests around the world.
 
The mission of the FSC® is to promote responsible forest management and the rational use of the forest, through a set of standards called Principles and Criteria, which aim to guarantee the existence of the forest long term.
 
The forest certification seal is released by certifiers who are constantly monitored by the FSC®, and it seeks to guarantee that the wood comes from a productive process managed according to an ecologically adequate, socially fair, economically feasible, and compliant law.

- Ecologically Adequate:
To use techniques that imitate the natural cycle of the forest and that cause the least impact, allowing the renewal and permanence of the forest, as well as the biodiversity that it shelters.
 
- Socially fair:
The ownership of a forestry area and all the activity in it must be legalized, which means paying all taxes and respecting all labor rights, including occupational safety. In addition, the FSC® certification process is transparent, which allows its oversight by any entity or individual in civil society. Finally, the FSC® principles and criteria are decided with the equal participation of the three sectors: environmental, social and economic.
 
- Economically Viable
The forest management techniques required by FSC® increase forest productivity, ensure the durability of investments and add value to the product. The FSC® seal on the product is already a market demand for which there is still insufficient supply, which means that a product with the FSC® seal guarantees the permanence in the market and opens new markets. 
 
Today FSC® is the most recognized green seal in the world, present in more than 75 countries and in all continents. Nowadays, businesses that have certified products generate $5 billion worth of business every year across the globe.
 
The FSC®'s ten principles ensure advantages and benefits that reach all levels of the production chain, from the forest to the final consumer.
 
For the forest producers
• Better prices, since the demand for certified wood, is bigger and it increases the accessibility to the international market, especially the European one. Today, countries like Holland prefer to import FSC certified hardwoods than other sources.
• Increased productivity: workers trained in forest management techniques reduce forest waste since they do not forget cut trees in the field, do not allow trees to crack at the time of cutting, and reduce the wear and tear on machinery and equipment.
• Image Improvement: Companies that have certification and those who buy certified products show, through their actions, their commitment to social responsibility.
 
For processors and resellers
• Guarantee of origin: when purchasing certified producers, the company knows that the wood it is using comes from a well-managed forest and therefore is not contributing to the predatory exploitation of forest resources.
• Market Recognition: A growing number of conscious consumers are giving preference to products that have the seal, such as floors, paper, pencil, door or even prefabricated house. For exporting companies, the seal can increase accessibility to the external market.
• Social responsibility: Companies that have certification and those who buy certified products show, through their actions, their commitment to social responsibility.
 
For the consumers
• Guarantee of origin. By purchasing certified products, the conscious consumer knows that the forest raw material has been exploited through management techniques and that local environmental and labor laws have been applied.
• Contribution to the cause. By choosing a certified product, the consumer is rewarding the responsible companies that respect all the legislation, the right of the workers and the community. Besides, this consumer is obeying all established standards for a good forest management.
 
Types of Certification 
 
Currently, there are three certification categories: Forest Management, Chain of Custody, Controlled Wood.
 
Certification of Forest Management (FM)
The Forest Management certification ensures that the forest is managed in a responsible way, in accordance with the principles and criteria of the FSC® certification. All producers can obtain the certificate, from the small to large operations, or community associations. These forests can be natural or planted, public or private. Certification of forest management can be characterized by the type of product: loggers, such as logs or boards; or not loggers, such as oils, seeds, and nuts.
 
Chain of Custody Certification (CoC) 
Chain of custody certification (CoC) guarantees traceability from the production of the raw material that goes from the forests to the final consumer. It applies to producers who process raw materials from certified forests. Sawmills, manufacturers, designers and printers who wish to use the FSC® seal on their products must obtain the certificate to ensure the traceability of the entire production chain.
 
Controlled Wood 
FSC® controlled timber standards aim to guide certified companies to avoid forest products of categories considered unacceptable by FSC®. From this evaluation, the companies control the origin of the materials used for the composition of the "FSC® Mixed" products, excluding those from socially and environmentally harmful forest activities.

Companies certified in FSC® chain of custody that combines controlled materials and FSC® certificates in their products must demonstrate that the controlled material avoided sources of the following categories:
• Illegally extracted wood;
• Wood extracted in violation of civil and traditional rights;
• Wood extracted from forests where High Conservation Values are threatened by management activities;
• Wood extracted from Converted Forest Areas for plantations and other non-forest uses;
• Forest wood with Genetically Modified Trees.
 
CRAS WOOD believes that, in the near future, the whole world population will become aware of the importance of its role in society, and that together we will build a more sustainable country, seeking more and more for good and quality products, providing well-being to all, and especially to our environment.